Já começou a revisar o conteúdo do Exame Nacional do Ensino Médio? Listar o que cai na prova de Ciências Humanas do Enem é um bom passo para organizar seu cronograma.

Mesmo faltando tão pouco para a prova, ainda dá tempo de esclarecer suas dúvidas. Para ajudá-lo a vencer a ansiedade, reunimos algumas dicas neste post.

Acompanhe para saber mais.

Ciências Humanas no Enem

Em primeiro lugar é preciso entender como as questões de Ciências Humanas se inserem no Enem.

São 45 perguntas fechadas que equivalem a 100 pontos na nota final. Portanto, dá para perceber como ela é relevante para um bom resultado, não é mesmo!?

Essa área do conhecimento é formada pela união entre História, Geografia, Filosofia e Sociologia. As matérias se relacionam entre si, pois estão ligadas à formação de postura crítica frente aos fatos geopolíticos.

Neste ano, a abordagem dos temas deve sofrer mudanças. Até a última edição o exame era conhecido por trazer questões ligadas à inclusão social e direitos humanos.

Em 2019, o Ministério da Educação anunciou que questões tidas como “ideológicas” não terão mais espaço. Assim, espera-se que temas como racismo e homofobia percam espaço nesta edição.

O novo direcionamento faz parte das propostas do governo do presidente Jair Bolsonaro.

O que cai na prova de Ciências Humanas do Enem?

Depois de entender qual é o perfil desta área no Enem, é hora de passar para parte prática. Reunimos algumas dicas que podem ajudar você a criar um cronograma de revisão dos conteúdos.

Crie um check-list a partir dos itens que nós vamos apresentar para facilitar sua organização. 

Divida os conteúdos por dia. Inclua na sua rotina a releitura do material e a resolução de exercícios e simulados.

Como se tratam de disciplinas teóricas, há muitas opções de videoaulas na internet. O material é gratuito e pode ser acessado a qualquer momento, dando mais comodidade ao estudante.

Saiba o que deve ser incluído no seu roteiro de atividades. Os pontos listados foram obtidos a partir de uma análise das últimas edições.

O levantamento revelou quais são os assuntos mais recorrentes na prova. Por isso, é importante tê-los na ponta da língua, ou melhor, do lápis!

História

A prova de História do Enem costuma privilegiar fatos ligados ao Brasil. Porém, isso não quer dizer que você deve eliminar os temas relacionados ao restante do mundo.

Entender o que se passou em outros países em diferentes épocas é muito importante. Isso ajudará você a se contextualizar sobre os impactos de questões mundiais no nosso país.

Até a última edição, era muito comum que o exame apresentasse datas históricas importantes. 

Em 2019, por exemplo, completa-se 30 anos da queda do Muro de Berlim. Outro marco importante deste ano são os 50 anos da chegada do homem na lua.

Dois eventos muito significativos para todo mundo. Temas como estes, datados, sempre costumavam cair no Enem. 

Neste ano, há uma incerteza sobre a cobrança desse tipo de questão. Não se sabe ao certo se elas farão parte das mudanças anunciadas.

Porém, na dúvida, o ideal é se informar sobre fatos importantes que podem ser relacionados com o ano corrente. Uma boa maneira de fazer isso é ler bastante, principalmente, jornais locais e internacionais.

Além de seguir estas dicas, listamos algumas matérias que são mais exigidas no Enem. Saiba quais são: 

  • Ditadura Militar;
  • Idade Antiga;
  • Idade Média;
  • Idade Moderna;
  • Brasil Colônia;
  • Brasil Império;
  • Patrimônio histórico;
  • Movimentos sociais;
  • Era Vargas;
  • História Antiga;
  • identidade cultural;
  • segundo reinado;
  • Grécia;
  • Roma;
  • Imperialismo;
  • Nazifacismo;
  • Repúblicas Oligárquicas;
  • Nova República;
  • Governo JK. 

O que cai na prova de Ciências Humanas do Enem?

Geografia

As questões de Geografia costumam englobar grandes conflitos e guerras. 

A ideia dessa parte da prova é avaliar se o aluno consegue entender conceitos chaves. Se ele é capaz de fazer relações entre conhecimentos.

Os itens são redigidos para testar o real domínio sobre o assunto. Portanto, decorar os livros não vão garantir o seu sucesso.

Antes de mais nada, é necessário observar a interdisciplinaridade de cada tema. Estudar Geografia fazendo ligações históricas é uma boa prática para aprender mais.

Outra dica para se dar bem é ficar atento ao que acontece no Brasil e no mundo. Temas da atualidade podem ter reflexo nos itens de Geografia e até mesmo na Redação.

Um aluno com bom desempenho nessa matéria é capaz de fazer inferências sobre os temas. Ou seja, não apenas entende o conteúdo, mas também faz ligações com fatos contemporâneos.

Um levantamento apontou que os assuntos mais recorrentes nas perguntas de Geografia são:

  • Reforma Agrária;
  • meio ambiente;
  • globalização;
  • Geografia urbana;
  • Geofísica;
  • indústria;
  • energia;
  • cartografia;
  • tecnologia;
  • transportes; 
  • etnocentrismo;
  • desigualdades sociais. 

Filosofia

Estudar Filosofia é muito importante para desenvolver uma postura crítica. Além disso, a disciplina ainda ajuda o estudante a compreender sua existência e seu papel social.

O objetivo da prova dessa matéria é provocar o aluno a refletir sobre a formação do indivíduo e sobre questões éticas.

Essa é uma disciplina que caminha muito próxima à Sociologia. Logo, é possível estudar criando relações entre os conteúdos das duas áreas.

Para se dar bem na prova de Filosofia, o candidato deve estudar conceitos como:

  • ética e justiça;
  • democracia;
  • relações de poder;
  • liberdade e determinismo;
  • Teoria do Conhecimento;
  • senso comum e pensamento filosófico.

Além disso, é recomendado conhecer as diferentes correntes da Filosofia. Aprenda a identificar quais são suas características e quem são os pensadores de maior destaque.

Entre os assuntos mais recorrentes estão:

  • Filosofia Moderna;
  • Filosofia Contemporânea;
  • Filosofia Antiga;
  • Filosofia Medieval.

O que cai na prova de Ciências Humanas do Enem

Sociologia

Os itens de Sociologia têm em comum a preocupação com aspectos ligados à cidadania. Por isso, é fundamental que o aluno entenda esse conceito e saiba aplicá-lo em diferentes situações.

As questões visam provocar o candidato a pensar em sua função na sociedade. Além disso, ajudam ele a compreender como se estabelecem os vínculos em grupo.

As relações trabalhistas são um tema recorrente nesta parte da prova. Vale dar uma revisada em matérias ligadas a poder, ao trabalho e a produção.

É importante ainda entender a recente Reforma Trabalhista e como isso mudou a ligação entre patrões e empregados. 

Apesar de não ter correspondência direta com a Sociologia, os reflexos sociais da reforma podem ser pauta do exame. 

No seu roteiro de estudos, não deve faltar os seguintes pontos:

  • teorias sociológicas;
  • globalização;
  • esferas culturais;
  • moral;
  • Filosofia Moderna;
  • etnocentrismo;
  • relativismo;
  • cultura e valores;
  • democracia;
  • mídia e produção cultural.

Hora da revisão

Já anotou tudo o que cai na prova de Ciências Humanas do Enem? Então, agora é hora de tirar os planos do papel.

Organize as ideias dando prioridade para aquelas matérias que você tem mais dificuldade. Resolva as edições anteriores do Enem, conferindo os gabaritos.

Liste os principais pontos, se ainda restarem dúvidas, e solicite ajuda a um professor ou colega. Peça a ele que esclareça os itens até que você realmente os compreenda.

Desejamos boa sorte no exame em 2019! Enquanto ele não chega, descubra mais sobre o Enem clicando neste link.