Se antes o especialista era o profissional mais valorizado do mercado, hoje o multifuncional se tornou o queridinho dos recrutadores. Uma sociedade plural pede por colaboradores plurais, capazes de contribuir em diferentes setores e exercer múltiplas funções.

Para construir uma carreira de sucesso nos dias de hoje é preciso ter jogo de cintura e a mente aberta. Fazer conexões entre diferentes áreas e desenvolver ideias criativas que contemplem as demandas de um mercado global e cada dia mais transitório.

Confira o texto a seguir e descubra como desenvolver um perfil multifuncional.

O que é perfil multifuncional

Em um mercado global, com setores cada vez mais integrados, as empresas buscam por profissionais com um perfil multifuncional. Aqueles com habilidades em mais de uma área de trabalho, capazes de colaborar com diferentes tarefas e funções e transitar em ambientes diversos, sem perder o foco em nenhuma das atividades.

Ser multifuncional significa estar aberto e ter uma visão ampla do trabalho, para além do próprio cargo. Trata-se de compreender como os setores se correlacionam e se influenciam em uma mesma empresa, em um trabalho de rede e cooperação.

Entendendo o conceito de T-shaped

Para acompanhar os fluxos e demandas de uma sociedade marcada pela transição e pelas inovações tecnológicas, as empresas apostam em um novo modelo corporativo. O chamado T-Shaped propõe a formação de equipes interdisciplinares, capazes de atender as demandas das empresas de maneira criativa e cada vez mais produtiva.

Pense no formato da letra T. A parte vertical representa a área em que o servidor é especialista. É aquela em que ele dedicou a maior parte dos seus estudos, tornando-se um expert. Já a parte horizontal representa o conhecimento generalista de cada um. Ele é formado pelas experiências pessoais e outros temas de interesse que tenham servido de inspiração para desenvolver novas habilidades.

Agora imagine um grupo de Ts, um ao lado do lado. Veja que eles se conectam pela parte horizontal de cada um, formando então um único desenho. É justamente nessa estrutura que se forma uma equipe profissional baseada no conceito de T-Shaped.

Através da união entre as habilidades generalistas de cada profissional, sustentadas pelo conhecimento específico, o trabalho é realizado com base na troca de conhecimento. Novas ideias, propostas e soluções surgem do encontro entre os diferentes saberes, abrindo caminhos para um trabalho cada vez mais inovador e produtivo.

Principais características de um profissional multifuncional

O dom da multifuncionalidade é sustentado por algumas característica básicas que fazem dessa uma das competências mais valorizadas atualmente pelo mercado de trabalho.

Conheça algumas características:

Flexibilidade

Para transitar por diferentes espaços e colaborar em outras áreas de trabalho é preciso ser flexível. A flexibilidade é uma pré-disposição para se movimentar por outros ambientes de forma positiva. Significa estar aberto para as transformações e aproveitar as oportunidades para desenvolver novas competências e habilidades.

Resiliência

A resiliência também é uma característica fundamental para o profissional multifuncional. Trata-se da capacidade de superar crises e se adaptar a diferentes cenários sem se deixar abater. Prever desafios e estar sempre pronto para mudar o curso das coisas em prol do desenvolvimento e da produtividade.

Perfil multifuncional como adquirir essas habilidades

Curiosidade

A curiosidade é o que instiga o desejo por novos conhecimentos e por isso é uma característica essencial para quem quer colocar a multifuncionalidade em prática. Para desenvolver novas funções é preciso estar aberto a novos conhecimentos e experiências e sentir-se motivado. Caso contrário, o trabalho se torna árduo e frustrante. Por isso, a curiosidade é um tempero fundamental para despertar novos olhares e expandir a mente.

Agilidade

Outra característica fundamental do profissional multifuncional é a agilidade. Afinal de contas, para realizar mais de uma função sem se perder no meio do caminho, é preciso trabalhar com o máximo de aproveitamento.

Para isso, é importante optar pelos caminhos mais eficazes, escolher as ferramentas adequadas e mais eficientes e pensar estrategicamente antes de agir. Tudo para não perder tempo e economizar o máximo de energia possível. Caso contrário, o trabalho pode se tornar muito estressante.

Trabalho em equipe

A capacidade de trabalhar em equipe é outra característica importante para o profissional multifuncional. O compartilhamento de conhecimentos e experiências é o que permite o desenvolvimento de um trabalho integrado, focado na criação de alternativas e soluções inovadoras.

Além disso, o trabalho em equipe, se realizado de maneira harmônica, é mais eficiente e produtivo, beneficiando a instituição e os funcionários

Organização

Para executar mais de uma função de maneira eficiente, é preciso se organizar. Caso contrário, a sua produtividade pode cair. Para isso, crie cronogramas, calendários, planners e outras ferramentas que possam auxiliar na gestão positiva do seu tempo e do espaço.

Como se tornar multifuncional

É claro que existem pessoas que já nascem com uma predisposição à multifuncionalidade. Mas, se você deseja se enquadrar nesse perfil, saiba que também é possível desenvolver esta habilidade.

Para se tornar multifuncional, antes de mais nada, é preciso manter a mente aberta e estar por dentro das novidades do mercado. Buscar novos conhecimentos e informações e se capacitar para contribuir em diferentes funções.

Para isso, participe de cursos, oficinas, palestras e outros eventos que possam expandir seus horizontes. Invista no estudo de novos idiomas, técnicas e outras competências que possam abrir mais possibilidades de atuação e agregar valor na sua carreira de trabalho.

No dia a dia, experimente dividir o tempo entre mais de uma função e veja o que funciona melhor para você. Organize-se para tornar o trabalho mais eficiente e, se necessário, crie um cronograma para estimular a sua agilidade. Trabalhe em equipe sempre que possível. Aprenda a dividir tarefas, escutar opiniões e a se comunicar com clareza e empatia.

Pronto! Agora você já conhece todos os segredos e características de um perfil multifuncional. Lembre-se que essa é uma das competências mais valorizadas atualmente pelo mercado de trabalho. Desperte o profissional multifuncional que existe em você e construa uma carreira de sucesso.

Inscreva-se na newsletter da FECAP e receba mais notícias sobre aperfeiçoamento profissional e mercado de trabalho.

Baixar agora