Você já pensou em atuar no mercado financeiro? É uma excelente escolha. Existem algumas carreiras mais indicadas e a gente te conta tudo aqui.

Vamos te contar sobre 10 profissões do mercado financeiro para você apostar. 

Quer saber quais são? Fique conosco!

O que é o mercado financeiro?

Antes de continuar, é preciso entender alguns conceitos. 

Por exemplo, o mercado financeiro. Esse nome diz respeito ao local (físico ou não) onde acontece a negociação de ativos em geral, com valor financeiro.

Esses ativos englobam:

  • moedas;
  • títulos;
  • ações;
  • mercadorias;
  • commodities;
  • entre outros.

Como exemplo podemos citar a Bolsa de Valores de Nova York. Ela é um mercado financeiro muito importante no mundo. 

Além disso, vale ressaltar que cada país tem uma bolsa para chamar de sua.

Por aqui a gente tem a Bolsa de Valores de São Paulo, que agora se chama B3. É nela que se negociam valores do mercado interno e externo todos os dias.

Quais são as melhores profissões do mercado financeiro?

Agora, vamos falar um pouco sobre as profissões do mercado financeiro em alta para quem deseja uma carreira nesse ramo. Confira!

1. Trader

Essa carreira é ideal para quem está iniciando. Afinal de contas, é necessário abrir uma conta em uma corretora financeira e passar a ter acesso às operações.

Mas apesar de parecer fácil atuar como trader, a função em si é complicada. 

Esse profissional compra e vende ativos financeiros, usando a volatilidade do mercado para ter lucro.

Exatamente por isso, tem que saber bastante sobre mercado financeiro e os investimentos.

É possível trabalhar de forma autônoma nessa função, ou também na mesa de operações de bancos e empresas.

2. Consultor de Investimentos

Cada vez mais, vemos o crescimento de profissões que servem para dar auxílio especializado às pessoas. O consultor de investimentos é o profissional ideal para isso!

Quem trabalha com isso atua na orientação de quem investe, para tomar uma decisão sobre como usar seu dinheiro de forma certeira.

Como os objetivos de cada cliente são diferentes, esse profissional precisa entender o perfil de cada um para oferecer as melhores opções..

3. Planejador Financeiro

O planejador financeiro ajuda pessoas a saberem o que fazer com o dinheiro. Não apenas em investimentos, mas também em gastos e aplicações no geral.

É função do planejador financeiro analisar as necessidades e expectativas do cliente. Também deve criar estratégias de planejamento financeiro que se adequem ao seu perfil.

Assim como é possível trabalhar de modo independente ou para empresas.

4. Agente Autônomo de Investimento

O Agente Autônomo de Investimento (AAI) é um profissional com conhecimentos em investimento. Está vinculado a uma corretora financeira e tem certificações para ajudar pessoas que desejam investir o seu dinheiro.

É possível perceber que o agente autônomo de investimentos precisa entender bastante sobre ações, fundos de investimento, fundos imobiliários, entre outros assuntos.

Para atuar na área, tem que se registrar na comissão de valores mobiliários e provar que está apto para exercer a função. Para isso, deve fazer uma prova e obter o certificado.

5. Bancário

A profissão de bancário é clássica, mas interessante. 

Quem escolhe essa, vai ter uma rotina bastante ligada ao mundo financeiro: pagamentos, atendimento de clientes, um pouco de aconselhamento financeiro e venda de serviços.

O bancário é, provavelmente, a profissão com mais responsabilidades administrativas. E é uma das favoritas das empresas.

Existe, ainda, a possibilidade de atuar em outras áreas como autônomo, conciliando com o trabalho de bancário.

6. Analista de sell-side

O analista de sell-side (o lado da venda) é o profissional responsável por produzir relatórios sobre um assunto em específico.

Esse analista pode examinar a situação de um país, como anda um determinado setor de uma empresa, entre outros dados.

Isso é essencial para empresas que precisam de dados para a tomada de decisão correta. Em geral, esse profissional é contratado por bancos, corretoras e grandes instituições financeiras.

7. Gestor de patrimônio

O gestor de patrimônio é responsável por, como se imagina, cuidar de um determinado patrimônio financeiro. 

A esse profissional cabe a decisão sobre quais produtos vão fazer parte da carteira investidor, sua proporção, que ativos vão ser comprados, entre outros assuntos.

Um consultor de investimentos se diferencia do gestor de patrimônio por conta da autonomia que é dada ao profissional em questão.

Essa pessoa pode ter autorização de realizar aplicações em nome do investidor. Em geral, a função é comum para pessoas com renda elevada que desejam investir.

8. Gestor de fundo

O gestor de fundo tem atividades parecidas com as do gestor de patrimônio, apenas com poucas diferenças.

O gestor de patrimônio atua de modo mais personalizado. Já o gestor de fundo se dedica  apenas a um produto.

É preciso bastante conhecimento financeiro, como é de se esperar. Esse profissional vai decidir que ativos comprar ou vender e o investimento necessário, para fazer parte do fundo.

9. Broker

Brokers são operadores financeiros que atuam na compra e venda no mercado, em nome dos clientes. 

Em geral, o trabalho deles envolve grandes investidores (fundos, empresas e bancos), os institucionais. 

Por cuidarem de uma grande quantidade de dinheiro, os clientes precisam da ajuda de brokers que realizem as operações nas mesas, para não perder dinheiro.

Por movimentarem quantias pequenas, os menores investidores não têm muito contato com os brokers em operações. Geralmente, fazem seus negócios online pelo home broker ou com um agente autônomo de investimento.

10. Analista Financeiro

Por último, cabe ao analista financeiro as responsabilidades de planejamento, gestão e análise de recursos financeiros. 

Basicamente, tudo que se relaciona ao controle financeiro de uma empresa é de responsabilidade desse profissional.

É necessário ter boas habilidades de gestão e administração, assim como conhecer bastante sobre impostos, serviços burocráticos, negociações, cotações entre outros assuntos.

O analista financeiro faz bastante coisa, por isso é essencial saber produzir relatórios e analisar despesas também.

Como atuar no mercado financeiro?

Essas 10 profissões são promissoras e excelentes opções para quem deseja investir em uma carreira. 

Mas quem deseja apostar em alguma dessas, precisa chegar ao mercado de trabalho com o conhecimento necessário para enfrentar os desafios.

A seguir, veja alguns cursos da FECAP que são ideais para quem deseja atuar em profissões do mercado financeiro.

Administração

A faculdade de Administração forma profissionais que podem atuar nas mais diversas áreas do mercado de trabalho. Incluindo a financeira.

A FECAP prepara o estudante para ter uma visão de líder, com estratégia não apenas na área de finanças, mas também englobando marketing, contabilidade, logística, operações, entre outras.

Ciências Contábeis

O curso de Ciências Contábeis forma profissionais prontos a auxiliar na gestão de empresas. 

O contador vai controlar despesas, receitas e investimentos do negócio.

Para isso, o curso da FECAP é o ideal! Somos reconhecidos como um dos melhores do país na área.

Ciências Econômicas

A faculdade de Ciências Econômicas forma economistas prontos para atuar no mercado empresarial. 

Aqui, qualquer estudante aprende estratégias e planejamentos que o permitem fazer projeções efetivas.

Vale ressaltar que a FECAP tem o primeiro curso de Economia do Brasil. Toda essa responsabilidade que carregamos é combustível para entregar uma formação excelente.

Hoje, você conheceu mais sobre as profissões do mercado financeiro e como atuar nessa área. Com certeza, buscar uma boa graduação é o melhor meio de conseguir isso.

Você gostou de saber mais sobre o mercado financeiro? Esperamos que ajude em sua carreira. 

Mas podemos ajudar ainda mais: confira o passo a passo para se tornar um gestor financeiro de sucesso!