A experiência profissional é um campo muito importante do currículo e por isso deve ser elaborado com bastante atenção. 

Esse é o espaço dedicado à trajetória do profissional no mercado e revela informações importantes sobre as competências e habilidades de cada um. 

Devido à sua relevância, a forma como esse campo foi apresentado pode ser um fator classificatório ou eliminatório em uma seleção de emprego.

Continue a leitura e descubra como escrever a sua experiência profissional no currículo.

BAIXAR AGORA

Objetividade, organização e clareza: detalhes essenciais para um currículo de destaque

Um currículo objetivo, bem escrito e estruturado é essencial para quem quer se destacar no mercado de trabalho. Essa é uma ferramenta estratégica que, quando bem elaborada, pode abrir muitas portas no mundo profissional.

A primeira impressão é a que fica!

O currículo é uma espécie de cartão de visitas, responsável pelas primeiras impressões do recrutador sobre o candidato. 

É ainda na fase curricular que os recrutadores fazem as primeiras seleções, e definem quais profissionais seguem no processo e quais serão descartados.

Por isso, na hora de elaborar o seu currículo, é importante caprichar nos detalhes e garantir uma boa primeira impressão. Afinal de contas, é ela que fica, não é mesmo?!

O que é a experiência profissional no currículo?

No currículo, a experiência profissional é o campo dedicado à sua trajetória no mercado de trabalho. E não somente a trajetória formal.

Projetos, voluntariados, estágios e trabalhos como freelancer também são importantes e devem ser incluídos. Desde que tenham alguma relação com as necessidades do cargo que você deseja concorrer.

Para cada experiência profissional citada, deve ser informado o nome da empresa ou instituição responsável e o período de trabalho. Além do cargo ocupado e as atividades exercidas durante a experiência.

Checklist para preencher o campo da experiência profissional 

Muita gente fica em dúvida na hora de escrever sobre a experiência profissional no currículo.

Esse é um campo muito importante, que revela as suas principais competências e habilidades. Por isso, deve ser preenchido com atenção redobrada.

Confira a seguir a lista de 5 boas práticas que podem ajudar você nessa missão:

  1. relacionar as experiências incluídas e o cargo desejado;
  2. ter objetividade;
  3. manter a organização;
  4. descrever as atividades;
  5. descrever os resultados obtidos.

Experiência profissional: confira 5 boas práticas para elaborar um currículo de destaque

Continue com a gente e conheça a fundo 5 boas práticas para preencher o campo da experiência profissional e se destacar no mercado.  

1. Escolha as experiências certas: escreva sobre o que realmente importa para a empresa

Escolha as experiências profissionais que tenham relação com a vaga que você está concorrendo. Ou que trouxeram competências e habilidades que possam contribuir com os objetivos da empresa e do cargo que você deseja assumir.

Essa é uma forma estratégica de valorizar o seu diferencial e mostrar para os recrutadores porque o seu trabalho é importante para a instituição.

2. Seja objetivo: para de encher linguiça e vá direto ao ponto

Escreva com objetividade e vá direto ao ponto. Nada de ficar enchendo linguiça para dar volume ao currículo.

O recrutador é rápido na leitura e assimila somente as informações pontuais e específicas que busca no currículo do candidato.  

Informações desnecessárias ou em excesso podem ser motivo de desinteresse e desclassificação logo no início do processo.

3. Organize as experiências por ordem cronológica

Por uma questão de clareza e organização das informações, é importante listar as experiências profissionais em ordem cronológica. Preferencialmente em ordem decrescente, iniciando da experiência mais recente para a mais antiga.

A organização facilita a leitura e a compreensão do currículo. Isso também será avaliado pelos recrutadores.

4. Cite as atividades realizadas em cada trabalho da sua trajetória

Para cada experiência profissional, descreva as atividades realizadas durante o período de trabalho. Sempre com objetividade e levando em consideração as necessidades da vaga que você está concorrendo.

As atividades realizadas dizem muito sobre as competências e habilidades que você adquiriu e desenvolveu durante a experiência profissional. E podem revelar capacidades úteis para os objetivos da empresa, chamando a atenção dos recrutadores.

5. Aponte os resultados obtidos em cada experiência profissional: habilidades, competências e missões cumpridas

Descreva, e se possível com dados, os resultados e conquistas alcançadas em suas experiências profissionais.

Aponte as competências e habilidades desenvolvidas por você e indique como elas podem contribuir para o exercício do cargo em questão.

Exemplos de experiência profissional no currículo: confira 2 modelos para se inspirar

Não existem regras definidas sobre como preencher o campo da experiência profissional no currículo. No entanto, existem boas práticas que podem tornar esse documento ainda mais estratégico e bem visto pelo mercado, além de colocar você à frente da concorrência.

Confira a seguir 2 exemplos de como escrever a experiência profissional no currículo

Modelo 1: cargo de assessoria de imprensa

Cargo: Assessora de imprensa

Nome da empresa: CumunicARTES

Localização: Juiz de Fora/MG

Período de trabalho: Jan. 2018 – atualmente

Responsabilidades: atendimento ao cliente, comunicação institucional, produção de conteúdo para redes sociais e gestão das redes sociais

Conquistas: o engajamento nas redes sociais, desde o início de 2018 até 2021, teve um aumento X%, impactando no crescimento das vendas da empresa em X%

Modelo 2: cargo de vendedor

Cargo: Vendedora

Nome da empresa: New Black, empresa nacional pioneira no desenvolvimento de produtos de cabelo para mulheres negras

Período: jan. 2014 até fev. 2016

Atividades exercidas: captação de novos clientes, atendimento personalizado ao público, negociação de condições de vendas e organização de estoques

Conquistas: aumento de X% na captação de novos clientes e crescimento de X% das vendas, entre 2014 e 2015. Foram desenvolvidas habilidades de comunicação e conhecimentos sobre cosméticos capilares voltado para o público-alvo da empresa

Escreva uma experiência profissional estratégica e se diferencie da concorrência

Agora você já sabe como escrever a sua experiência profissional no currículo e se destacar!

Lembre-se de selecionar somente aquelas experiências que fazem sentido para a vaga que você está concorrendo. Seja objetivo, mantenha uma ordem cronológica, fale sobre as atividades desenvolvidas durante o período de trabalho e não se esqueça dos resultados. 

Aproveite o embalo e baixe 7 modelos de currículos para dar um up na sua carreira.